General Villas Bôas recebe alta após 10 dias internado em Brasília

Assessor do Gabinete de Segurança Institucional da Presidência estava na UTI do hospital Sírio-Libanês. Militar sofre de doença neuromotora de caráter degenerativo.


O assessor do Gabinete de Segurança Institucional (GSI) da Presidência da República, general Eduardo Villas Bôas, de 67 anos, recebeu alta na tarde deste sábado (12). O militar estava internado em Brasília desde 2 de outubro.

O ex-comandante do Exército deu entrada no Hospital Sírio-Libanês no domingo (6), após passar por internação no Hospital das Forças Armadas. Villas Bôas sofre de Esclerose Lateral Amiotrófica (ELA) – doença neuromotora de caráter degenerativo.

De acordo com o último boletim médico enviado pelo GSI, a internação foi provocada por "problemas respiratórios". O comunicado diz que "houve melhora no quadro [de saúde] do assessor, que está em casa, acompanhado pelos familiares" (leia abaixo a íntegra da nota).

Pela manhã, o GSI informou que o general apresentou uma "melhora considerável no quadro respiratório". Até as 12h, a informação era de que ele estava na UTI, sem previsão de alta.

Por G1 DF e TV Globo

Postar um comentário

0 Comentários