SEJA NOSSO APOIADOR, CONTRIBUA COM NOSSO TRABALHO 477-4 / 36.152-6 / BANCO DO BRASIL.

terça-feira, 15 de outubro de 2019

Governado pela esquerda, Nordeste é única região do país que não gera empregos

Governada por políticos de esquerda, a região Nordeste foi a única do país que não conseguiu contratar mais do que demitir nos primeiros seis meses de 2019. É o que apontam dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (CAGED), divulgados nesta quinta-feira (25) pelo Ministério da Economia.


Enquanto as demais regiões brasileiras fecharam o primeiro semestre com saldo positivo na geração de empregos, o Nordeste amargou uma conta de -35.193 empregos, ou seja, colocando no papel a diferença entre contratações e demissões, o Nordeste mais perdeu emprego de carteira assinada do que criou.

A região Sudeste foi disparada a que mais criou empregos (+251.656), seguida pela região Sul (+111.455), Centro-Oeste (+76.110) e Norte (+4.472).

Ainda segundo os dados do Caged, a economia brasileira gerou 408.500 empregos com carteira assinada no primeiro semestre de 2019, maior saldo dos últimos cinco anos.

NORDESTE

Desde o início do ano os governadores do Nordeste têm se organizado para formar um bloco de oposição à política feita pelo presidente da República, Jair Bolsonaro (PSL), atualmente o maior nome da direita no Brasil

Dos nove estados do Nordeste, 7 são governados por PT, PSB e PCdoB, partidos que adotam posicionamentos ideológicos de esquerda. Os outros dois governos são do MDB (Renan Filho-AL) e PSD (Belivaldo Chagas-SE). Ambos também fazem oposição ao governo Jair Bolsonaro.

Os governadores do PT são Fátima Bezerra-RN, Rui Costa-BA, Camilo Santana-CE e Wellington Dias-PI; os do PSB são João Azevêdo-PB e Paulo Câmara-PE; fecha a conta o governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB).

CONSÓRCIO

Para selar a união do bloco de oposição, na próxima segunda-feira (29) os governadores da região lançarão oficialmente o Consórcio do Nordeste, após o projeto ser aprovado nas assembleias legislativas dos estados.

O lançamento será na capital baiana e anunciará o planejamento para os próximos 12 meses de trabalho. O objetivo do consórcio é promover o desenvolvimento sustentável da região Nordeste.

Fonte: Portal Grande Ponto
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário