CÂMARA MUNICIPAL DE MACAU SE TORNOU ALVO DE BRIGAS MAIS UMA VEZ, ASSUNTOS DE RELEVANCIA E QUE VÃO DE INTERESSE AO POVO PASSAM LONGE DESSA CASA

segunda-feira, 4 de novembro de 2019

Empresa paranaense do ramo de energia solar passa a operar no RN este mês

Energia solar fotovoltaica torna-se mais competitiva
O Brasil está entre os países mais ricos em irradiação do sol e, por isso, é um potencial produtor de energia solar - considerada limpa e ecologicamente sustentável. A boa notícia, no que se refere ao mercado de energias limpas, é que o investimento em energia solar tem se tornado cada vez mais acessível, graças à evolução das soluções tecnológicas utilizadas e à relação custo/benefício.

Não é à toa que em 2018, a adesão aos geradores domésticos-placas solares instaladas nos telhados de imóveis residenciais que convertem a luz solar em energia elétrica subiu surpreendentes 350% no Brasil. Nos últimos dois anos o país deu um salto de sete mil para 49 mil unidades. Para 2019, a previsão é de um aumento de 44% da geração de energia solar.

Um dos principais atrativos para investir na energia solar é a economia: após o período de recuperação de investimento – de cerca de três anos – a energia derivada dos painéis solares se torna praticamente gratuita.

O Rio Grande do Norte é o 8º estado em geração distribuída solar fotovoltaica. Com foco neste mercado, a Ilumisol Energia Solar chega a Natal a partir da sexta-feira (08). A empresa, que tem sede em Cascavel no Paraná, está em fase de ampliação: já está presente em 23 estados distribuídos em todas as regiões. A franquia em Natal será operada pelos sócios Rafael Barros e Maurício Alcoforado.

Em terras potiguares, a Ilumisol pretende, de imediato, atender à capital e região metropolitana, como explica Rafael Barros. “Estamos presentes em João Pessoa há quase um ano e meio e estamos chegando ao Rio Grande do Norte gerando cerca de 60 empregos diretos e indiretos e, vamos muito em breve, ampliar nossa área de atuação para todo o estado”. 

O mercado da energia fotovoltaica, como Rafael esclarece, é democrático: atende a todos os consumidores, sejam residencial, comercial ou industrial. “Além da vantagem da economia financeira, é uma energia ecologicamente sustentável: seu impacto ambiental é muito inferior em relação à outras fontes como os combustíveis fósseis e as hidrelétricas. A energia solar pode ser também um importante instrumento na redução de emissões de gases de efeito estufa”

Outra vantagem é que as empresas como a Ilumisol entregam ao cliente todo o serviço: desde o financiamento, até os equipamentos, instalação e manutenção, que se limita à limpeza das placas solares.



Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário