SEJA NOSSO APOIADOR, CONTRIBUA COM NOSSO TRABALHO 477-4 / 36.152-6 / BANCO DO BRASIL.

domingo, 1 de dezembro de 2019

Guedes diz que atraso na reforma administrativa não enterra agenda liberal

O ministro Paulo Guedes (Economia) disse que o atraso na proposta de reforma administrativa -que deve ficar para 2020- não representa 1 revés na agenda liberal. “Como economista eu não tenho dúvidas de que quanto mais rápido você implementa a reforma, mais rápido o país retoma o caminho do desenvolvimento sustentável.”



Na entrevista, publicada pelo Globo neste domingo (1º.dez.2019), Guedes afirmou, entretanto, que é preciso observar o processo político. “Nós estávamos em 1 caminho. E aí, de repente, começa a confusão na América Latina. Bagunça, desordem. Aí o timing político começa a mudar.” O ministro disse ainda que as demais reformas estão andando.

“O Rodrigo Maia está mandando o projeto de lei do saneamento, feito pelo senador Tasso Jereissati. É uma das reformas mais importantes para o país, porque boa parte da diferença de expectativa de vida no Brasil é por causa da mortalidade infantil”, afirmou Guedes.

Na 5ª feira (26.nov.2019), o presidente da Câmara criticou a declaração de Guedes sobre o AI-5. “Não dá para usar a palavra como se fosse bom dia ou boa noite”, afirmou Maia. Guedes, na entrevista, disse que foi mal interpretado em relação ao AI-5. Segundo ele, foi uma advertência em relação ao discurso do ex-presidente Lula sobre manifestações no Chile. “Fiz uma defesa da democracia.”
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário